VÁRZEA GRANDE

Variedades

Panicat Wendy Tavares mostra seu antes e depois: ‘Era bem magrinha’

Publicado em

Variedades

Jovem trabalhava como modelo e decidiu ficar ‘mais gostosona’ para ser assistente de palco do programa ‘Pânico’

Para ser a nova panicat (ela foi apresentada neste mês), Wendy Tavares precisou pegar pesado. Literalmente! A jovem teve que ganhar músculos e novas curvas. A mudança no corpo pode ser vista no “antes e depois” que ela mostra ao EGO.

 

“Essas foram minhas primeiras fotos de modelo quando cheguei a São Paulo, vindo de Araçatuba. Era bem magrinha… Deixei o interior e fui para a capital para modelar mesmo. Tinha 19 anos e pesava 56 quilos”, conta a morena, que hoje tem 21 anos e pesa 60 quilos.

 

“Fiz feiras, confraternizações e eventos por um ano e meio. Até que, no Carnaval do ano passado, um amigo me apresentou para a produção do ‘Pânico‘. Na época, a minha agência em São Paulo já estava pedindo para eu emagrecer, pois estava acima do meu peso e não conseguia trabalhos como modelo, só para fitness e biquíni”, relembra ela, sobre a ditadura da magreza do mundo da moda.

Leia Também:  Prefeitura de Cuiabá transformará área abandonada em complexo de lazer

 

 

“Emagreci seis quilos em dez dias. Tinha 105 centímetro de bumbum e, quando sequei, fui para 96 centímetros. Fiquei muito magra e até estranha. Pesava 62 quilos e fui para 56”, conta Wendy Tavares.

 

Quando voltou do Carnaval de Salvador, a produção do “Pânico” ligou para a jovem, a convidando para uma gração. “Fui gravar com a Mendigata e me falaram que eu estava muito magra. Precisei voltar a encorpar… Foi aí que resolvi deixar minha vida de modelo para virar mais gostosona, mais Panicat, mais malhada”, diz.

 

“Comecei fazendo participações nos quadros do Bolinha. Fiquei assim por um ano e, agora, virei Panicat. Meu sonho, quando vim para São Paulo, além da carreira de modelo, também era a carreira artística. Sem sonhei em ser famosa. Sempre quis essa vida e meus pais me apoiam muito. Agora que consegui, estou feliz demais. É gratificante estar onde estou, sendo que vim do interior. Não conhecia ninguém, fui conhecendo pessoas influentes e hoje estou na mídia”, festeja Wendy, que hoje tem 60 quilos, distribuídos em 1,69 m de altura, com direito a 103 cm de bumbum e 88 cm de busto.

Leia Também:  Como a inteligência artificial pode ajudar na segurança de apps
COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

DESTAQUE

Em parceria com Estado, Prefeitura vai instalar mais 5 mil lâmpadas de LED

Benefício abrange quase 20 bairros das zonas urbana e rural
Serviço já está sendo realizado e, ao final desta etapa, metade da cidade estará com iluminação nova, afirma secretário Breno Gomes

Publicados

em

Foto: SECOM VG

Após instalar 6 mil lâmpadas de LED em 12 bairros e sete grandes avenidas, ao longo de 2022, a Prefeitura de Várzea Grande, por meio da Secretaria de Serviços Públicos e Mobilidade Urbana, e em parceria com a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra-MT), deu início à terceira etapa do programa MT Iluminado.

De acordo com o secretário Breno Gomes, neste ano, o Executivo municipal juntamente com o governo do Estado vai instalar mais 5 mil lâmpadas de LED de 250 watts no lugar das lâmpadas de 200 watts vapor metálico. “É uma das determinações do prefeito Kalil Baracat que a Secretaria trabalhe de forma intensa nesse projeto, pois vai proporcionar aos bairros mais valorização, segurança e dignidade”, afirma.

Ao longo do ano, serão contemplados os seguintes bairros: Jardim Glória 1 e 2, Figueirinha, Panorama, Vila Arthur, Santa Terezinha, São Gonçalo, Jardim Ikaray, Novo Horizonte, Jardim Paula 1 e 2, Água Vermelha, São Matheus, Parque Sabiá, Itororó. Além disso, as comunidades rurais Limpo Grande, Praia Grande, Novo Mato Grosso, Bonsucesso, Capão de Pequi, Souza Lima e Capão Grande também serão beneficiadas.

Leia Também:  Em SP, campanha pede para cortar elástico de máscara antes do descarte

Na manhã de quinta-feira (26), durante vistoria pelas ruas de Várzea Grande, o secretário Breno Gomes e o subsecretário Virdinei Bens, acompanharam a troca de lâmpadas na Rua da Felicidade, no Figueirinha.

Foto: SECOM VG

No local, o pedreiro Dorival Lourival da Silva, morador do bairro há 40 anos, elogiou o trabalho da Prefeitura. Ele contou que as lâmpadas antigas estavam com algum problema que as faziam apagar quando ventava forte ou chovia. “Ficava apagando e demorava a voltar, a rua ficava escura. Agora vai ficar bom com essas lâmpadas novas. A gente fica feliz demais! Não só eu, os vizinhos, todo mundo fica feliz”, disse.

Foto: Secom-VG

De acordo com o secretário de Serviços Públicos e Mobilidade Urbana, Breno Gomes, ao ouvir relatos dos munícipes, percebe-se que a gestão municipal está no caminho certo. “Essa troca de lâmpadas por modelo mais moderno e eficiente é benéfica para todos, tanto para os moradores, que ganham mais qualidade de vida e valorização dos bairros, quanto para o Município, que ganha com a economicidade das lâmpadas de LED, pois elas reduzem em média 50% o consumo de energia elétrica em comparação com a lâmpada de 200 watts vapor metálico, além de terem maior durabilidade”, avalia.

Leia Também:  Sobe olhares de Cesar Sampaio Palmeira faz treino tático antes de confronto com Santo André

Fonte: Secom-VG

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA