VÁRZEA GRANDE

Variedades

Fragmentado, novo thriller psicológico finalmente chega aos cinemas do país

Publicado em

Variedades

Resultado de imagem para FragmentadoGrande sucesso de crítica e bilheteria nos Estados Unidos, Fragmentado, o novo thriller psicológico do indiano M. Night Shyamalan, finalmente estreia no Brasil. O filme conta a história de um homem que tem dezenas de personalidades e aterroriza um grupo de adolescentes. Para os saudosos do seriado Power Rangers a boa notícia é a estreia do longa baseado na franquia criada pelo egípcio Haim Saban e que fez muito sucesso na década de 1990.

Fragmentado vem sendo apontado como uma volta definitiva aos bons tempos de Shyamalan, que criou, roteirizou e dirigiu o longa. Ela já havia sido ensaiada com o interessante A Visita (2015), relativo sucesso que quebrou uma seqüência de prejuízos com O Último Mestre do Ar (2010), Demônio (2010) e Depois da Terra (2013).

O novo thriller apresenta James McAvoy (franquia X-Men) como Kevin, um homem que possui 23 personalidades distintas que seriam causadas por uma espécie de transtorno dissociativo de identidade. Em seu caso, é algo ainda mais profundo e que ganha contornos paranormais a medida que ele mostra ser capaz de alternar as personalidades tanto mental como fisicamente, chegando a adquirir força e agilidade sobre-humanas.

Seu quadro inspira preocupação especial dos especialistas porque, embora tenha evidenciado 23 personalidades a sua psiquiatra de confiança, doutora Fletcher (Betty Buckley), parece haver uma ainda submersa que tem poder para se materializar e dominar todas as outras. E isso pode acontecer justamente na presença de três adolescentes sequestradas por Kevin e mantidas presas em sua casa. No cativeiro, elas passam a conhecer as diferentes facetas do sequestrador e irão lutar para encontrar algum meio de escapar, lideradas por Casey (Anya Taylor-Joy, do premiado A Bruxa).

Leia Também:  Fernanda Lima se muda com a família para os Estados Unidos

Nova geração

Já houve outros filmes sobre o grupo de jovens super-poderosos Power Rangers, cada um adaptado a realidade tecnológica da época. Este novo longa chega favorecido por uma gama bastante grande de possibilidades oferecidas pela computação gráfica e o diretor Dean Israelite mostrou que sabe aproveitá-las, como fez com o adolescente Projeto Almanaque (2015).

Power Rangers segue cinco adolescentes comuns e um tanto desajustados que estão prestes a se tornar seres extraordinários. Escolhidos pelo destino, os heróis descobrem rapidamente que são os únicos que podem salvar sua cidade e o planeta de uma grande ameaça alienígena. Mas, para fazer isso, eles terão que superar questões da vida real e, antes que seja tarde demais, formar um grupo heterogêneo e de poder inigualável.

É um conto divertido de como o quinteto conquistou não só seus poderes alienígenas, mas também seus vínculos reais e inquebráveis, que os transformam na última esperança da Terra contra uma força malévola que aguardou 65 milhões de anos pela oportunidade de colocar em ação seu plano de conquista.

Leia Também:  Roda de samba feminina é remarcada para esta quarta-feira, no Parque das Águas

Os Power Rangers são interpretados por Dacre Montgomery, Naomi Scott, RJ Cyler, Becky G, Ludi Lin, que contracenam com experientes atores como Bryan Cranston (Breaking Dead) e Elizabeth Banks (O Virgem de 40 Anos, Jogos Vorazes). O roteiro é de John Gatins (Kong: A Ilha da Caveira, Gigantes de Aço) e a história é de Matt Sazama & Burck Sharpless (Drácula A História Nunca Contada) e Michele Mulroney & Kieran Mulroney. Entre os produtores está ninguém menos que Haim Saban, o criador da série Power Rangers.

Power Rangers é a outra estreia da semana. O longa, baseado na franquia criada pelo egípcio Haim Saban e que fez muito sucesso na década de 1990, certamente vai agradar aos saudosos do seriado.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

DESTAQUE

Em parceria com Estado, Prefeitura vai instalar mais 5 mil lâmpadas de LED

Benefício abrange quase 20 bairros das zonas urbana e rural
Serviço já está sendo realizado e, ao final desta etapa, metade da cidade estará com iluminação nova, afirma secretário Breno Gomes

Publicados

em

Foto: SECOM VG

Após instalar 6 mil lâmpadas de LED em 12 bairros e sete grandes avenidas, ao longo de 2022, a Prefeitura de Várzea Grande, por meio da Secretaria de Serviços Públicos e Mobilidade Urbana, e em parceria com a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra-MT), deu início à terceira etapa do programa MT Iluminado.

De acordo com o secretário Breno Gomes, neste ano, o Executivo municipal juntamente com o governo do Estado vai instalar mais 5 mil lâmpadas de LED de 250 watts no lugar das lâmpadas de 200 watts vapor metálico. “É uma das determinações do prefeito Kalil Baracat que a Secretaria trabalhe de forma intensa nesse projeto, pois vai proporcionar aos bairros mais valorização, segurança e dignidade”, afirma.

Ao longo do ano, serão contemplados os seguintes bairros: Jardim Glória 1 e 2, Figueirinha, Panorama, Vila Arthur, Santa Terezinha, São Gonçalo, Jardim Ikaray, Novo Horizonte, Jardim Paula 1 e 2, Água Vermelha, São Matheus, Parque Sabiá, Itororó. Além disso, as comunidades rurais Limpo Grande, Praia Grande, Novo Mato Grosso, Bonsucesso, Capão de Pequi, Souza Lima e Capão Grande também serão beneficiadas.

Leia Também:  Figurinista nega ter sido amante de José Mayer

Na manhã de quinta-feira (26), durante vistoria pelas ruas de Várzea Grande, o secretário Breno Gomes e o subsecretário Virdinei Bens, acompanharam a troca de lâmpadas na Rua da Felicidade, no Figueirinha.

Foto: SECOM VG

No local, o pedreiro Dorival Lourival da Silva, morador do bairro há 40 anos, elogiou o trabalho da Prefeitura. Ele contou que as lâmpadas antigas estavam com algum problema que as faziam apagar quando ventava forte ou chovia. “Ficava apagando e demorava a voltar, a rua ficava escura. Agora vai ficar bom com essas lâmpadas novas. A gente fica feliz demais! Não só eu, os vizinhos, todo mundo fica feliz”, disse.

Foto: Secom-VG

De acordo com o secretário de Serviços Públicos e Mobilidade Urbana, Breno Gomes, ao ouvir relatos dos munícipes, percebe-se que a gestão municipal está no caminho certo. “Essa troca de lâmpadas por modelo mais moderno e eficiente é benéfica para todos, tanto para os moradores, que ganham mais qualidade de vida e valorização dos bairros, quanto para o Município, que ganha com a economicidade das lâmpadas de LED, pois elas reduzem em média 50% o consumo de energia elétrica em comparação com a lâmpada de 200 watts vapor metálico, além de terem maior durabilidade”, avalia.

Leia Também:  Roda de samba feminina é remarcada para esta quarta-feira, no Parque das Águas

Fonte: Secom-VG

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA