VÁRZEA GRANDE

"Investimento"

Nova praça de Chapada dos Guimarães não terá nenhuma árvore cortada e projeto foi aprovado pelo Iphan

Projeto foi aprovado pelo Iphan e Sema; audiência pública foi realizada e prefeitura, CDL, Câmara de Vereadores e padre da cidade foram ouvidos

Publicado em

Turismo

Foto: Secom-MT

O projeto de revitalização da Praça Dom Wunibaldo e entorno, em Chapada dos Guimarães (66 km de Cuiabá), vai manter todas as árvores originais da área. No projeto, também está prevista a construção de atrativos, como fonte luminosa, playground, bancos em dois níveis e com bicicletário e paisagismo.

Além da reforma na praça, será feita a revitalização da Rua Quinco Caldas, no trecho que compreende o posto de combustíveis até a Rua Cipriano Curvo, que ganhará cobertura, ampliação da calçada e paisagismo.

“Nenhuma árvore da praça será cortada e as áreas serão melhores aproveitadas para que os moradores e turistas usufruam de todo esse espaço histórico de Chapada. É um grande investimento para alavancar ainda mais o potencial turístico do município e região”, afirmou o secretário adjunto de Turismo, Jefferson Moreno.

Ele também explicou que o projeto seguirá a estética da Igreja Matriz Santuário de Sant’Ana, mantendo o perfil histórico, “mas com um toque de modernidade, como, por exemplo, o piso com acessibilidade e drenagem, além de ter cor clara para não destoar das cores da igreja”.

Leia Também:  PRF apreende 17,5 Kg de agrotóxicos falsificados em Alto Garças

Toda a reforma no local teve aprovação do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e licenças da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema). Todos os setores municipais também foram ouvidos em audiências públicas no município, como a prefeitura, Câmara de Vereadores, Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e o padre José, que administra a igreja matriz.

“Todos que foram ouvidos aprovaram o projeto de reforma e revitalização da praça e Rua Quinco Caldas, destacaram que realmente foi pensado para o turista, com qualidade e mantendo a história local”, lembrou Jefferson.

A obra terá investimento total de R$ 14,5 milhões, em que estão inclusas todas as intervenções e melhorias necessárias, tanto na praça, quanto no entorno.

A licitação para contratar a empresa responsável foi lançada no último dia 13 de abril. A obra será executada pela Secretaria de Infraestrutura e Logística (Sinfra), com recursos da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sedec), por meio da Secretaria Adjunta de Turismo e parceria com Secretaria Adjunta de Cidades.

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Cesar Miranda, destacou o volume de ações voltadas ao turismo no Estado.

Leia Também:  Semana poderá ser de muitas chuvas e temperatura agradável na Capital

“O turismo de Mato Grosso está em franca recuperação com a injeção de recursos do governo do Estado. São cerca de R$ 150 milhões em obras que irão atender praticamente todos os municípios com potencial turístico”, concluiu Cesar.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Turismo

Secretário de Turismo debate estratégias de fomento para o projeto

O projeto é uma medida adota pela gestão Emanuel Pinheiro, para ajudar os setores prejudicados na pandemia a se recuperarem

Publicados

em

O secretário de Turismo de Cuiabá, Zito Adrien, e a equipe técnica da pasta, receberam na  tarde de quinta-feira (26), representantes de diversos setores para elaborar e incluir ideias ao projeto ‘Viva o Feriado em Cuiabá’, que visa movimentar a cidade em feriados prolongados com a abertura do  comércio em geral, bares, restaurantes, pontos turísticos da Capital. O projeto é uma medida adota pela gestão Emanuel Pinheiro, para ajudar os setores prejudicados na pandemia a se recuperarem. Também integram o  projeto as Secretarias de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico (SMATED), sob o comando do secretário Francisco Vuolo e também  Cultura, Esporte e Lazer, o secretário Aluízio Leite. 

“O projeto, na semana passada, foi apresentado ao trade turístico, ao comércio e outras entidades, como a Fecomércio, CDL, Associação Comercial e Sebrae. Explicamos o projeto ‘Viva o Feriado’ em Cuiabá. Este projeto foi uma solicitação do prefeito Emanuel Pinheiro que não mediu esforços para ajudar os setores visando que se recuperarem dos dois anos perdidos por causa da pandemia. Esse projeto, com a ajuda de vocês, com ideias e comprometimento, iremos trazer turistas do interior e segurar os cuiabanos na nossa cidade. As pessoas vão ter uma lista de coisas e atrativos para se fazer nos feriados prolongados. Precisamos de ideias, e queremos ouvi-los”, comentou Zito Adrien. 

O diretor regional do Sesc e Senac Mato Grosso, Carlos Rissato, elogiou a iniciativa da Prefeitura de Cuiabá e avisou que  o Sesc será parceiro do evento.  “Colocamos à disposição toda nossa atenção a este projeto. Temos que analisar como iremos receber essas pessoas nos feriados, pois, temos que capacitar a mão de obra para o serviço. Essa é uma grande preocupação do nosso presidente da Fecomércio, José Wenceslau de Souza Júnior”, comentou ele. 
A Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel-MT), Lorena Bezerra, afirmou que irá convocar os estabelecimentos para participação ao projeto ‘Viva o Feriado em Cuiabá’, e ainda, prevê a realização do Festival do Peixe, na Orla do Porto, como parte da programação. “Estamos de acordo e teremos alguns feriados prolongados ainda neste ano. Estamos com um festival gastronômico em andamento, e queremos sim participar desta grande ideia.  O Viva o Feriado em Cuiabá, irá movimentar o seguimento econômico, pois, desde o salão de beleza irá ser beneficiado. Podemos realizar novamente o Festival do Peixe no próximo feriado”, contribuiu ela. 
Participaram da reunião:
  
Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado (Fecomércio)
 Associação Comercial e Empresarial de Cuiabá (ACC)
Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL Cuiabá)
 Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae)
Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel-MT)
Associação Brasileira da Indústria Hoteleira de Mato Grosso (ABIH-MT)
  
SESC Mato Grosso
SESI- SENAC – MT
  
Secretaria Municipal de Comunicação de Cuiabá
Gestor do Centro de Inteligência de Desenvolvimento Sustentável de Cuiabá, Alex de Deus
Assessor técnico da Secretaria Municipal de Turismo, João Eduardo Sá Costa Moreira Brito.
COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Média de gastos de turistas em Mato Grosso é de R$ 370 por dia
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA