VÁRZEA GRANDE

Polícia

Rotam liberta mãe e filha reféns em sequestro e recupera veículo roubado

Publicado em

Polícia

Policiais prosseguem com as buscas aos homens que roubaram o EcoSport e levaram as duas vítimas

Da Redação

 

Policiais do Batalhão Rotam (Ronda Ostensivas Tático Móvel) libertaram duas reféns, uma mãe e sua filha adolescente de 16 anos, que tinham sido rendidas na porta de uma academia de ginástica, em Cuiabá, e recuperaram o veículo roubado delas, um Ford EcoSport.

A ação aconteceu na noite desta segunda-feira (29.05), na região do bairro Despraiado. Após perseguição e recusa de ordens de parada, os dois homens que mantinham as vítimas reféns abandonaram o veículo.

Mãe e filha foram rendidas por homens que desceram de um veículo HB20 de cor preta e anunciaram o assalto. A dupla levou as vítimas para Várzea Grande, onde tentou fazer saques de dinheiro usando os cartões das vítimas em dois bancos.

Quando um dos assaltantes entrou em uma das agências, a adolescente conseguiu passar mensagem ao namorado, via whatsapp, informando sobre o roubo e pedindo para acionar a polícia. Sem fazer saques, os ladrões retornaram para Cuiabá, supostamente para tentar em outras agências bancárias, porém foram avistados pela equipe Rotam-18 ao atravessar a ponte Mário Andreazza.

Leia Também:  PM prende dois motociclistas com pistola e mais de R$ 3,5 mil

A partir dessa ponte os policiais seguiram no encalce dos suspeitos. Eles abandonaram o carro no bairro Altos da Boa Vista, em uma região escura e de difícil acesso, depois de colidir em um Celta que estava parado, e fugiram levando todos os cartões de bancos(débito e crédito), além de ticket alimentação da motorista do EcoSport.

As vítimas relataram aos policiais que os ladrões chegaram a reencontrar os comparsas do HB20 preto para pegar o controle remoto do condomínio onde moram mãe e filha. O encontro aconteceu à margem do rio Cuiabá, na região do bairro Sucuri, antes de seguirem para Várzea Grande.

Na Central de Flagrantes do Cisc, um dos assaltantes foi reconhecido e identificado por meio de fotos. As buscas aos suspeitos continuam.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Polícia

Policiais da Dema participam de curso de combate a corrupção e lavagem de dinheiro

O curso faz parte do Programa Nacional de Capacitação e Treinamento para o Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro (PNLD)

Publicados

em

Foto: Polícia Civil-MT

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada do Meio Ambiente (Dema), participa do Curso de Capacitação e Treinamento para o Combate a Corrupção e Lavagem de Dinheiro, realizado em Cuiabá, com parceria da Procuradoria-Geral e Ministério da Justiça e Segurança Pública.

O curso faz parte do Programa Nacional de Capacitação e Treinamento para o Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro (PNLD), que surgiu em cumprimento à meta nº 25 da Estratégia Nacional de Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro (Enccla) 2004.

O objetivo é criar um plano integrado de capacitação e treinamento de agentes públicos e de orientação à sociedade, otimizando a utilização de recursos públicos e disseminando uma cultura de prevenção e combate à corrupção e à lavagem de dinheiro no Brasil.

A delegada titular da Dema, Liliane Murata, relata que o investimento em capacitação no âmbito do combate a lavagem de dinheiro e inteligência financeira foi uma de suas metas na incrementação das atividades laboradas no Núcleo de Inteligência da unidade, uma vez que a lavagem de dinheiro encontra-se em conexão com os crimes ambientais praticados por organizações criminosas.

Leia Também:  Rotam recupera F4000 furtada em Nova Mutum

“O curso vem ao encontro das capacitações já realizadas pelos policiais que atuam na atividade de inteligência da Dema, buscando a melhoria na prestação da qualidade do serviço policial a sociedade mato-grossense”, disse a delegada.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA