VÁRZEA GRANDE

Polícia

PRF e INDEA-MT realizam operação de combate ao transporte de madeira ilegal em Rondonópolis-MT

Irregularidades encontradas estavam na falta de consistência entre os papéis apresentados e a quantidade de madeira transportada nos veículos.

Publicado em

Polícia

Foto: PRF/MT

Nos últimos dias, houve uma ação conjunta entre Policiais Rodoviários Federais e profissionais do INDEA-MT para intensificar a fiscalização no transporte de madeira na região de Rondonópolis. A ação teve como base a unidade operacional 201 da PRF e resultou na apreensão de grande volume de madeira ilegal.

As maiores irregularidades encontradas estavam na falta de consistência entre os papéis apresentados e a quantidade de madeira transportada nos veículos, documentos florestais irregulares e até mesmo a falta completa de documentos de autorização de transporte.

Ao todo foram lavrados 24 Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO) pela prática do crime de transporte ilegal de madeira.

 

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Em carta a Biden, Bolsonaro promete fim do desmatamento ilegal
Propaganda

Polícia

Homem é preso por ameaçar e trancar esposa dentro de casa

A vítima relatou ainda que o suspeito guardava uma espingarda dentro de um dos quartos da casa

Publicados

em

A Polícia Militar libertou uma mulher mantida em cárcere privado pelo marido, no bairro 23 de setembro, em Várzea Grande. O homem de 33 anos foi preso por ameaça, posse irregular de arma de fogo, sequestro e cárcere privado.

Os policiais foram acionados, via 190, para verificar uma ocorrência em que uma mulher estaria sendo mantida em cárcere privado e ameaçada pelo marido. De imediato, a PM foi até a residência e libertou a mulher. A vítima contou que o marido a proibiu de sair para ir ao banco resolver assuntos financeiros. Ela disse que ao se arrumar para sair, o suspeito fez ameaças a ela dizendo que “se ela montasse na motocicleta iria derrubá-la e colocar fogo no veículo dela, e que ela não sairia para lugar nenhum”.

A vítima relatou ainda que o suspeito guardava uma espingarda dentro de um dos quartos da casa. Os policiais fizeram buscas no imóvel e localizaram a arma de fogo de pressão adaptada para calibre 22 e uma caixa contendo 50 munições. O homem recebeu voz de prisão e foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Judiciária Civil.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Polícia Civil e Politec realizam exames complementares para apurar morte em Paranatinga
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA