VÁRZEA GRANDE

Ação Integrada

PJC repatria veículo roubado que foi encontrado pela Polícia Nacional Boliviana

Durante esse trâmite, houve uma tentativa de estelionato praticado por integrantes do grupo que roubou o veículo

Publicado em

Polícia

Foto: PJC

A Polícia Civil conseguiu repatriar a Mato Grosso um caminhão F-4000, que foi roubado em outubro na região de fronteira e recuperado na Bolívia. A ação ocorreu por meio da atuação das Delegacias de Pontes e Lacerda e de Vila Bela da Santíssima Trindade

O chefe da seção da Diprove em San Ignácio, major Bustillos, informou aos órgãos policiais brasileiros que o caminhão roubado no Brasil foi encontrado e apreendido em território boliviano e passou sobre a documentação necessária para reaver o bem. A repatriação do veículo foi possível em um trabalho de cooperação junto com a Polícia Nacional Boliviana, por meio da Direção de Investigação e Prevenção ao Roubo de Veículos (Diprove) de San Ignácio de Velasco.

Durante esse trâmite, houve uma tentativa de estelionato praticado por integrantes do grupo que roubou o veículo, que entraram em contato com a vítima dizendo que haviam tomado o caminhão da Polícia Boliviana e pedindo resgate para devolver o veículo.

A Polícia Civil manteve contato com a Polícia Boliviana em San Ignácio de Velasco, que negou que o caminhão havia sido retirado das dependências da unidade, dessa forma impedindo que a vítima caíssem no golpe em ter que pagar os criminosos pelo regate do veículo.

As investigações da Delegacia de Vila Bela da Santíssima Trindade seguem para identificar os criminosos que entraram em contato com a vítima e pediram o falso resgate. O roubo é apurado pela Delegacia de Pontes e Lacerda. Após reunir os documentos necessários e apresentá-los na polícia boliviana, o veículo foi entregue aos proprietários e repatriado ao território brasileiro. O caminhão está avaliado em aproximadamente R$ 120 mil.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  PM desarticula quadrilha com quase nove quilos de maconha em Primavera do Leste
Propaganda

Polícia

Equipamentos de pesca predatória são apreendidos em Sorriso

As apreensões ocorreram após o NIF receber várias denúncias de crimes ambientais na região.

Publicados

em

Equipes da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e do Núcleo Integrado de Fiscalização de Sorriso (NIF) com apoio da Polícia Militar e da Defesa Civil, apreenderam, várias redes e tarrafas durante operação de fiscalização de pesca predatória no Salto Magessi, no distrito de Boa Esperança, em Sorriso.

Em pleno período de piracema, as equipes flagraram diversos apetrechos de pesca no rio Teles Pires e às margens dele. Até acampamentos bem estruturados foram montados para pescadores e caçadores passarem as noites no local.

As apreensões ocorreram após o NIF receber várias denúncias de crimes ambientais na região. Gabriel Conter, diretor regional da Sema em Sinop, destaca a importância do apoio dos municípios no trabalho de fiscalização da pesca predatória e demais crimes ambientais, tendo em vista que o estado não consegue chegar a todos os locais.

Apesar de todo material apreendido, ninguém foi preso. Porém, segundo o NIF, a partir de agora, as fiscalizações serão intensificadas no local.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  De julgador a investigado, "lobos com peles de cordeirinhos" conselheiros afastados são apontados em mais um esquema de corrupção
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA