VÁRZEA GRANDE

Polícia

A PRF apreendeu uma carreta com adulteração em seus elementos identificadores, em Barra do Garças/MT

A placa dianteira era condizente com a da documentação e registro do veículos, já a placa traseira fazia referência a um Hyundai/HB20s, além ser uma placa falsificada, tendo em vista que o QR-Code não remeteu a nenhum registro.

Publicado em

Polícia

Foto: PRF/MT

Na manhã de hoje (21/10), em procedimento de fiscalização no posto PRF, no km 789.0 da BR 158, no município de Barra do Garças/MT, nossa equipe abordou o veículo Volvo/FH 540 6x4t, cor vermelha. Na abordagem veicular, foi identificado que o caminhão trator possuía duas placas de identificação diferentes.

A placa dianteira era condizente com a da documentação e registro do veículos, já a placa traseira fazia referência a um Hyundai/HB20s, além ser uma placa falsificada, tendo em vista que o QR-Code não remeteu a nenhum registro.

O condutor é funcionário da empresa proprietária do veículo, e foi contrato a pouco tempo, sendo a segunda viagem que fazia naquela carreta.

Diante das informações obtidas, foi constatada, a princípio, ocorrência de Adulteração de Sinal Identificador de veículo automotor. Os veículos (caminhão-trator e semi-reboque) envolvidos na ocorrência foram encaminhados pátio conveniado a PRF, no município de Barra do Garças/MT, e estão à disposição da Polícia Judiciária Civil naquele município.

 

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Armas de fogo e munições são apreendidas em Várzea Grande, Vera e Nova Ubiratã
Propaganda

Polícia

Homem é preso por ameaçar e trancar esposa dentro de casa

A vítima relatou ainda que o suspeito guardava uma espingarda dentro de um dos quartos da casa

Publicados

em

A Polícia Militar libertou uma mulher mantida em cárcere privado pelo marido, no bairro 23 de setembro, em Várzea Grande. O homem de 33 anos foi preso por ameaça, posse irregular de arma de fogo, sequestro e cárcere privado.

Os policiais foram acionados, via 190, para verificar uma ocorrência em que uma mulher estaria sendo mantida em cárcere privado e ameaçada pelo marido. De imediato, a PM foi até a residência e libertou a mulher. A vítima contou que o marido a proibiu de sair para ir ao banco resolver assuntos financeiros. Ela disse que ao se arrumar para sair, o suspeito fez ameaças a ela dizendo que “se ela montasse na motocicleta iria derrubá-la e colocar fogo no veículo dela, e que ela não sairia para lugar nenhum”.

A vítima relatou ainda que o suspeito guardava uma espingarda dentro de um dos quartos da casa. Os policiais fizeram buscas no imóvel e localizaram a arma de fogo de pressão adaptada para calibre 22 e uma caixa contendo 50 munições. O homem recebeu voz de prisão e foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Judiciária Civil.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Suspeito é preso pela PM por exercício ilegal da profissão em consultório odontológico clandestino
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA