VÁRZEA GRANDE

Opinião

Fla x Flu e Corinthians x Ponte Preta: 22 e 40 anos depois

Publicado em

Opinião

 

Rio e São Paulo vão reviver duelos que marcaram épocas.

 

Por: Guilherme Arcorverde

   

     Fla-Flu no Rio após 22 anos

Fla X Flu e Timão X Macaca

Campeonato Carioca. Octogonal final. Último jogo que decidiria o campeonato. Flamengo jogava pelo empate por ter tido a melhor campanha. Fluminense tinha que vencer. Maracanã lotado. Ano do centenário do Rubro-Negro, que jogava pelo empate para ser campeão. Já no apagar das luzes, Aílton, que já brilhara vestindo a camisa do Flamengo, faz um salseiro na ponta direita e chuta direto pro gol. Na pequena área aparece Renato Gaúcho e desvia de barriga fazendo o gol do título do Tricolor. Gol muito exaltado e lembrado pelos tricolores até hoje.

 

Quatro anos antes, em 1991, com a tradicional final em dois jogos, foi o Rubro-Negro que se sagrou campeão ganhando o Tricolor das Laranjeiras por 4×2, com um show do Maestro Júnior.

Tido como um dos maiores clássicos do mundo, Flamengo e Fluminense já fizeram inúmeros jogos memoráveis ao longo de mais de 100 anos. Mas, em decisões, tem sido raro se encontrarem. Agora ,em 2017, a história continua, depois de ser interrompida por longos anos…

Leia Também:  Corinthians é superado pelo Atlético-MG na 12ª rodada do Brasileirão 2021

Quem leva?

Se no Rio foram precisos esperar 22 anos para Flamengo e Fluminense decidirem o título, em São Paulo a demora foi maior, porque Corinthians e Ponte Preta voltam a se enfrentar na decisão após 38 anos.

Os dois clubes duelaram em uma decisão em duas oportunidades. A final que marcou época foi a de 1977, quando a equipe do Parque São Jorge se sagrou campeão após uma saga de 23 anos sem título. Corinthians e Ponte voltariam a decidir o Paulista em 1979 e novamente deu Timão. Acontece que, a conquista histórica corintiana, de 77, simbolizou a quebra de um longo período sem sequer uma conquista. A de 79, portanto, passa um pouco despercebida.

Em uma final de 3 jogos, só decidido no terceiro, a torcida do Timão, presente no Morumbi, foi ao delírio quando Basílio fez o gol do desafogo aos 36 minutos do segundo tempo.

A Ponte, para muitos era a favorita a levar o Paulista daquele ano por possuir um time mais técnico. Em contrapartida quem levou foi o Corinthians depois de 3 jogos muito disputados e emocionantes (1×0 Corinthians no primeiro; 2×1 Ponte no segundo e finalmente 1×0 Timão no terceiro).

Leia Também:  Pelo Brasileirão, Corinthians vence o Red Bull Bragantino e se mantém na liderança da competição

Chegou a hora da Ponte enfim levantar seu primeiro caneco? Lembrando que a Equipe de Campinas jamais foi campeã ao longo de sua centenária história. Ou mais uma vez dará Corinthians?

1977-2017. 40 anos depois

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Opinião

Quem nunca fez dieta após a virada do ano?

Publicados

em

Foto: Assessoria/Divulgação

Que atire a primeira pedra quem nunca fez uma dieta após as festas de final de ano! É clichê mas é ao mesmo tempo muito atual. No final do ano várias promessas são feitas e com certeza cuidar da saúde sempre está na lista. Mas a que custo?

Às vezes esse desespero pela boa forma é tão grande que leva a procura de dietas milagrosas que na maioria das vezes traz mais danos que benefícios. A sensação de que estamos pesados, de que estamos intoxicados e até mesmo com a auto estima abalada favorece as tomadas de decisões impensadas com foco só na balança.

As dietas na maioria são muito restritivas e com isso comprometem o fornecimento de nutrientes, dificultando o metabolismo por falta de matéria prima para as atividades, incluindo a queima de gordura.

Sim, é isso mesmo que você leu: emagrecer depende de comer com qualidade e não somente diminuir quantidade. Restrição calórica é diferente de déficit calórico. Quantas dietas com baixa calorias você já fez? e porque está aqui lendo este artigo? Se dietas funcionassem provavelmente vc já fez algumas não estaria em busca de nenhuma mais.

Leia Também:  Herois da Covid

Existe uma taxa de calorias necessárias para o desenvolvimento das atividades basais e isto merece ser respeitado para uma perda progressiva de gordura corporal. As dietas milagrosas prometem perda de peso, quando na verdade só se consegue na maioria, apenas uma desidratação temporária.

Sabia que os primeiros quilos perdidos correspondem à água? A queima de gordura é mais demorada porque o corpo se adapta para não perder gordura. Perder peso exige constância! Constância em montar um prato saudável, com mais alimentos in natura (da feira), constância em se mexer diariamente, constância em preservar as horas de sono, constância em aliviar estresse de forma correta e não somente cortar calorias.

O processo do emagrecimento duradouro começa com mudanças de comportamento. A obesidade para ser tratada exige muito mais de terapia comportamental do que redução de comida pura e simples. A forma como você lida com a comida faz toda diferença na perda de peso e na manutenção de um estilo de vida saudável.

As dietas milagrosas têm prazo para começar e terminar e normalmente terminam quando a sua saúde já piorou um tanto com essas restrições. Se posso te ajudar? Comece a sua lista de promessas para o próximo ano, com a busca por um nutricionista que não só calcule dieta mas que te ensine estratégias para comer melhor a cada dia para que no final do próximo ano, você nem se preocupe com este assunto e apenas recomece a vida com a mesma tranquilidade que terminou os 365 dias.

Leia Também:  Gravidez tardia, o assunto do momento

A melhor dieta é aquela que você consegue executar. Tudo é difícil! Portanto não é da blogueira, não é da capa da revista, não é a da vizinha.

Existem particularidades que devem ser levadas em conta na hora de começar um processo de perda de peso.

Eu prefiro chamar isto de mudança de estilo de vida em busca de qualidade de vida. Ao contrário das dietas, esta mudança não tem prazo para terminar. Busque ajuda e comece este ano uma nova vida mais coerente e leve!

Ira Soraya C. Arruda é nutricionista e integra a equipe multidisciplinar do IGPA

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA