VÁRZEA GRANDE

Mundo

Unesco retira cidade de Liverpool da lista de patrimônio mundial

Publicado em

Mundo


A cidade de Liverpool, na Inglaterra, foi retirada da lista de patrimônio mundial da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) nesta quarta-feira (21) porque novos prédios prejudicaram a atratividade das suas docas vitorianas, tornando-a o terceiro local a ser removido da lista de prestígio.

Liverpool foi nomeada patrimônio mundial pela organização cultural das Nações Unidas em 2004, se juntando a referências como a Grande Muralha da China, o Taj Mahal e a Torre de Pisa.

Após uma votação na China de membros do Comitê do Patrimônio Mundial, a Unesco afirmou que novos prédios em Liverpool prejudicavam a “autenticidade e integridade” da cidade.

Liverpool – lar dos Beatles – foi colocada na lista em reconhecimento ao seu papel como um dos portos mais importantes do mundo durante os séculos 18 e 19 e pela sua beleza arquitetônica.

A prefeita de Liverpool, Joanne Anderson, disse que a decisão de retirar a cidade da lista é “incompreensível” e chega uma década depois da última visita das autoridades da Unesco. Anderson afirmou que vai apelar da decisão.

Leia Também:  Brasileiro estreia com vitória na temporada 2020 do Mundial de MotoE

Os outros locais que perderam o título foram um santuário de vida selvagem em Omã, em 2007, após caça ilegal e destruição de habitat, e o vale do Elba, em Dresden, Alemanha, em 2009, quando uma ponte com quatro faixas foi construída sobre o rio.

O selo de Patrimônio Mundial concede a locais históricos acesso a fundos de conservação da ONU e também os coloca em guias turísticos do mundo inteiro.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Mundo

Meteoro ilumina os céus da Noruega; parte pode ter caído perto de Oslo

Publicados

em


Um “meteoro anormalmente grande” iluminou brevemente o céu no sul da Noruega neste domingo (25), causando um som espetacular e um feixe de luz. Uma parte dele pode ter atingido a Terra, possivelmente não muito longe da capital Oslo, disseram especialistas. Não há relatos imediatos de ferimentos ou danos. 

Relatos de avistamentos do meteoro começaram a chegar por volta da 1h da manhã, com o fenômeno sendo visto até em Trondheim, cidade mais ao norte do país nórdico.

Uma câmera em Holmestrand, ao sul de Oslo, capturou uma bola de fogo caindo do céu e explodindo em um flash brilhante iluminando uma marina.

A rede norueguesa Meteor segue analisando imagens de vídeo e outros dados para tentar localizar a origem e o destino do meteoro.

Dados preliminares sugerem que um meteorito pode ter atingido a Terra em uma grande área arborizada, chamada Finnemarka, apenas a 60km a oeste da capital Oslo, segundo a rede.

“Isso foi uma loucura”, disse Morten Bilet, da Meteor. Ele viu e ouviu o meteoro.

Leia Também:  Peruanos voltam às urnas para decidir futuro presidente

“O que tivemos na noite passada foi uma grande rocha viajando provavelmente entre Marte e Júpiter, que é nosso cinturão de asteróides. E quando isso acontece, cria um estrondo, luz e muita empolgação entre nós (especialistas) e talvez algum medo entre outros”, disse Bilet.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA