VÁRZEA GRANDE

Mundo

Eleições na França: Macron é favorito sobre Le Pen no 2º turno

Publicado em

Mundo

No primeiro turno, Macron teve 23,7% dos votos, à frente de Le Pen, com 21,5% dos votos

Por: Veja.com

O centrista Emmanuel Macron é favorito para vencer a candidata de extrema direita Marine Le Pen no segundo turno das eleições presidenciais francesas, marcado para o dia 7 de maio. Pesquisas de opinião apontam que, numa disputa contra a adversária, Macron se sairia vencedor. Macron ganhou o primeiro turno, realizado no domingo, com 23,7% dos votos, à frente de Le Pen, com 21,5% dos votos. Eles foram seguidos pelo conservador François Fillon e pelo esquerdista Jean-Luc Mélenchon, com 19% cada um, e pelo socialista Benoît Hamon, que obteve apenas 6,2% dos votos.

Qualquer um dos dois candidatos fará história: Macron como o presidente mais jovem da França (aos 39 anos) e Le Pen como a primeira mulher chefe de Estado no país.

O resultado representa um revés para os partidos tradicionais que se alternaram no poder durante décadas: o socialista, do presidente em fim de mandato François Hollande, e os conservadores, liderados por Fillon.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Presidente faz discurso na Assembleia Geral das Nações Unidas
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Mundo

Coreia do Norte critica exercícios aéreos entre EUA e Coreia do Sul

Publicados

em

As Forças Armadas dos Estados Unidos e da Coreia do Sul realizaram exercícios aéreos combinados envolvendo bombardeiros B-1 sobre águas a oeste da Península Coreana.

Segundo o Ministério da Defesa da Coreia do Sul, as manobras ocorreram nesta quarta-feira (1º) sobre o Mar Amarelo. Elas contaram com bombardeiros B-1 da Força Aérea dos Estados Unidos, além de caças F-35 de última geração pertencentes às Forças Armadas americanas e sul-coreanas.

Funcionários governamentais da Coreia do Sul ressaltaram que vão responder com firmeza a ameaças nucleares e de mísseis da Coreia do Norte.

Reação drástica

Hoje (2), o Ministério das Relações Exteriores da Coreia do Norte advertiu quanto a uma “reação drástica” para qualquer ação militar dos Estados Unidos.

A chancelaria norte-coreana divulgou uma declaração após as conversações entre os chefes de defesa dos Estados Unidos e da Coreia do Sul. O documento criticou o compromisso dos chefes de defesa de reforçar uma “dissuasão ampliada”, na qual o lado americano protegeria seus aliados com artefatos nucleares e outras armas.

Leia Também:  MJ pede explicação da Unimed-Rio sobre indícios de reajustes abusivos

A declaração da Coreia do Norte diz que a resposta de Pyongyang para quaisquer tentativas militares dos Estados Unidos terá como base o princípio de “bomba nuclear por bomba nuclear e confronto total por confronto total.”

Fonte: EBC Internacional

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA