VÁRZEA GRANDE

Eleição OAB-MT

No final do dia vai ser apurado o resultado da votação

Publicado em

GERAL

Foto: OAB-MT

No final da manhã desta sexta-feira (26), ocorreu as eleições da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Mato Grosso (OAB-MT) na Capital e no interior, dentro das regras eleitorais e em clima democrático e tranquilo. De acordo com a avaliação do presidente da Comissão Eleitoral, Joaquim Spadoni,

“As duas chapas, que disputam a Seccional, e os eleitores estão se comportando de acordo com o Provimento 146″, declarou Spadoni. O Provimento 146 que conduz a Eleição dos Conselheiros Federais e Estaduais, da Diretoria dos Conselhos Seccionais e das Subseções, e também da Diretoria da Caixa de Assistência dos Advogados.

A votação iniciou, às 9h, através de urnas eletrônicas, segue até as 17h (horário de MT), nesse momento os portões dos locais de votação vão fechar. As pessoas que estiverem dentro vão receber a senha para votar. 

É previsto que cerca de 12 mil advogados e advogadas devem comparecer às urnas e o presidente da Comissão Eleitoral convida todos os aptos a votar que façam isso o quanto antes, para garantir o exercício democrático.

A sensação é de disputa, mas o clima está tranquilo. Do lado de fora da Seccional, apoiadores das duas chapas que disputam a OAB-MT seguem pedindo voto e fazendo campanha, com bandeirolas e buzinaços.

Os candidatos estão fazendo corpo a corpo com eleitores, no setor das urnas, conforme definido em reunião entre a Comissão Eleitoral e representação das chapas.

Após as 18 h, vai iniciar as apurações dos votos e ira sair o resultado das eleições.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Grupo Futurista de Comunicação reassume as rádios Nativa e Jovem Pan
Propaganda

GERAL

Prefeitura de SP aprova protocolo sanitário para carnaval no Anhembi

Publicados

em

Fotos: Magaiver Fernandes

A Prefeitura de São Paulo definiu o protocolo sanitário, que deve ser seguido pelas escolas de samba de São Paulo nos desfiles no Anhembi.

Assim como a Liga das Escolas de Samba de São Paulo (Liga-SP) havia proposto, as regras incluem:

  • Exigência do passaporte da vacina para o público;
  • Pré-cadastro de componentes do desfile com o passaporte da vacina (exigência do passaporte da vacina para os desfilantes);
  • Uso obrigatório de máscara para desfilantes e público;
  • Redução do número de componente por escola;
  • Controle de público na concentração e dispersão e recomendações para os ensaios técnicos e encontros nas quadras.

O protocolo ainda prevê, o adiamento dos desfiles no Anhembi caso a situação epidemiológica da cidade de São Paulo se agrave nas próximas semanas.

Os integrantes das escolas de samba terão que máscara, por isso, será excluído do julgamento do Carnaval 2022 o quesito “Harmonia”, que avalia se os componentes cantam o samba enredo. Assim, o uso da máscara não irá atrapalhar a competição.

Os chefes de ala que são responsáveis por conferir se as fantasias dos componentes estão completas também ficarão responsáveis por conferir o uso da máscara. O uso incorreto poderá levar à perda de pontos nos quesito “fantasia”.

O protocolo com as diretrizes da Coordenadoria de Vigilância em Saúde (Covisa) foi desenvolvido após duas reuniões realizadas entre a Secretaria Municipal da Saúde (SMS), com a São Paulo Turismo (SP Turis), Secretaria Municipal da Cultura (SMC) e a Secretaria Municipal de Segurança Urbana (SMSU).

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Premiados os vencedores do campeonato de Xadrez da Escola Tiradentes de Rondonópolis
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA