VÁRZEA GRANDE

Esporte

Tricolor vence o Vasco no duelo de ida das oitavas de final

Publicado em

Esporte


Com gols de Rigoni e Pablo, um em cada tempo, o Tricolor largou na frente nas oitavas de final da Copa do Brasil de 2021! Na noite fria desta quarta-feira (28), no Morumbi, o São Paulo venceu o Vasco da Gama por 2 a 0 no duelo de ida e garantiu a vantagem para o confronto de volta.

Com o resultado, a equipe são-paulina tem a vantagem de perder por até um gol de diferença na decisiva partida da próxima quarta-feira (4), às 21h30, em São Januário. Antes, porém, o Tricolor terá pela frente o clássico contra o Palmeiras no sábado (31), às 19h, no Estádio Cícero Pompeu de Toledo, pelo Campeonato Brasileiro.

Para encarar os cariocas, o time não contou com Luciano (aprimora a forma física após estiramento no músculo posterior da coxa esquerda), Luan (aprimora forma física após trauma na perna esquerda), William (aprimora a forma física após trauma no joelho direito) e Eder (transição para o campo após estiramento na coxa direita), além de Dani Alves (Seleção Olímpica).

  Flamengo joga melhor , mas vacila no fim do jogo e perde para o São Paulo

Leia Também:  Palmeiras continua forte preparação visando final da Libertadores

Assim, com a volta de Léo (não enfrentou o Flamengo, pelo Campeonato Brasileiro), o técnico Hernán Crespo escalou a equipe com Volpi; Orejuela, Arboleda, Miranda e Léo; Nestor, Igor Gomes, Benitez e Reinaldo; Rigoni e Pablo.

O Tricolor começou o jogo ligado, chegou ao gol vascaíno diversas vezes e conseguiu abrir o placar aos 13 minutos com Rigoni, que aproveitou lançamento de Benitez e chutou cruzado após fintar a marcação. 1 a 0!

Já na reta final do primeiro tempo, aos 44 minutos, o Tricolor sofreu uma baixa: Arboleda sentiu dores musculares e teve que ser substituído por Bruno Alves.

Na etapa complementar, o São Paulo manteve a postura ofensiva e ampliou aos 33 minutos: Reinaldo cobrou escanteio e Pablo testou para fechar o marcador! 2 a 0 e vantagem para o decisivo confronto de volta, no Rio de Janeiro.

SÃO PAULO 2 x 0 VASCO DA GAMA

Local: Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 28/07/2021 (quarta-feira)
Horário: 21h30
Transmissão: Globo, Premiere e SporTV

SPFC: Volpi; Arboleda (Bruno Alves, 44/1), Miranda e Léo; Orejuela, Rodrigo Nestor (Liziero, 32/2), Igor Gomes (Gabriel Sara, 16/2), Benítez (Talles Ccosta, 32/2) e Reinaldo; Rigoni (Marquinhos, 16/2) e Pablo. Técnico: Hernán Crespo

  São Paulo vence o Fluminense por 2 a 1 fora de casa

Leia Também:  Conmebol divulga jogos da Copa América e libera trocas para mata-mata

Gols: Rigoni, 13/1; Pablo, 33/2

CRVG: Vanderlei; Léo Matos, Ernando, Leandro Castan e Zeca; Galarza (Arthur, 26/2), Bruno Gomes e Marquinhos Gabriel (Sarrafiore, 38/2); Léo Jabá (Morato, 38/2), Cano e Gabriel Pec (Andrey, intervalo). Técnico: Lisca

Cartão amarelo: Leandro Castan, 43/2

Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO)
Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva (GO) e Bruno Raphael Pires (GO)
Quarto Árbitro: Jefferson Ferreira de Moraes (GO)
Quinto Árbitro: Daniel Luis Marques (SP)
Analista de Campo: Marcelo Rogério (SP)
Árbitro de Vídeo: Elmo Alves Resende Cunha (GO)
AVAR: Leone Carvalho Rocha (GO)
Observador de VAR: Marcos Andre Gomes da Penha (ES)

fonte: http://www.saopaulofc.net/noticias/noticias/copa-do-brasil/2021/7/28/tricolor-vence-o-vasco-no-duelo-de-ida-das-oitavas-de-final

COMENTE ABAIXO:

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Esporte

Vasco empata com o Cruzeiro pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro

Publicados

em


Em jogo polêmico por conta da arbitragem, o Vasco da Gama empatou o Cruzeiro por 1 a 1, em partida válida pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro. O gol vascaíno foi marcado pelo camisa 77, Nenê. Com esse resultado, o Gigante da Colina chegou aos 34 pontos e assumiu a 9ª posição, de maneira provisória. O próximo compromisso do Gigante da Colina será diante do Brusque, na próxima sexta-feira (24/09), às 21h30, no Estádio Augusto Bauer.

Nenê comemora seu primeiro gol desde seu retorno junto a torcida (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

O JOGO

O Vasco começou a partida tentando implementar uma pressão inicial e buscando descer em velocidade ao ataque. A primeira investida vascaína veio aos 13 minutos, Morato fez boa jogada pela direita, avançou até o limite da linha de fundo, invadiu a área e cruzou rasteiro na direção da pequena área. German Cano chegava pelo meio e quase conseguiu a finalização. Porém a defesa adversária conseguiu afastar. Aos 21, Nenê dominou pela esquerda e mandou um cruzamento na medida para Morato. O camisa 10 subiu no meio da zaga adversária e cabeceou firme. A bola acabou indo no meio do gol e o goleiro Fábio fez boa defesa.

Aos 30 minutos, Léo Matos acionou Morato dentro da área. O atacante vascaíno girou para cima da marcação e finalizou firme. O goleiro Fábio se esticou inteiro e evitou o que seria o primeiro gol vascaíno. Aos 44, Morato fez ótima jogada pela direita, invadiu a área e cruzou para o meio da área. German Cano chegou completando e a bola explodiu na trave adversária. Na sobra, Nenê completou para o gol aberto e balançou as redes pela primeira vez desde seu retorno: VASCO 1 a 0.

  Guarani goleia o Confiança-SE e entra no G-4 da Série B do Brasileirão

Leia Também:  Palmeiras continua forte preparação visando final da Libertadores

O Vasco voltou para a segunda etapa buscando manter a posse de bola e incomodar a defesa adversária. O primeiro ataque vascaíno veio aos 23 minutos, Léo Matos recebeu pela direita e cruzo na área. A bola foi na direção do gol adversário e o goleiro Fábio afastou mal. German Cano pegou a sobra dentro da área, arriscou a finalização e a bola explodiu na defesa. No minuto seguinte, Andrey acionou Marquinhos Gabriel pelo meio e o camisa 31 avançou. O meia  percebeu o espaço, arriscou a finalização e por pouco não ampliou, a bola saiu raspando a trave adversária.

Aos 30, Nenê cobrou falta para dentro da área e mandou na cabeça do capitão Leandro Castan. O camisa 5 chegou cabeceando firme e acabou parando na boa defesa do goleiro Fábio. Aos 34 minutos, Andrey avançou pelo meio, invadiu a área e acabou perdendo a bola para a defesa. German Cano pegou a sobra dentro da área, arriscou a finalização e mandou a bola na rede pelo lado de fora. Aos 47, Gabriel Pec recuperou a bola no campo de ataque, pela esquerda e acionou Daniel Amorim na entrada da área. O atacante vascaíno dominou, limpou a marcação e finalizou com categoria para ampliar o placar. Porém a arbitragem anulou o segundo gol vascaíno. No minuto seguinte, após cobrança de escanteio o zagueiro Ramon pegou a sobra na pequena área e empatou o jogo: 1 a 1.

  Paraná perde para o Botafogo – SP e desperdiça a oportunidade de liderar o grupo

Leia Também:  Inter tem jogos pela Copa do Brasil e Brasileirão essa semana.

FICHA TÉCNICA

VASCO 1 X 1 CRUZEIRO

Campeonato Brasileiro – 25ª rodada

Local: São Januário (RJ)

Data: Domingo, 19/09/2021

Horário: 16h (Brasília)

Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (GO)

Assistentes: Grazianni Maciel Rocha (GO) e Hugo Savio Xavier Correa (GO)

VAR: Rodolpho Toski Marques (PR)

Cartões Amarelos: Andrey, German Cano (Vasco) / Marcelo Moreno, Eduardo Brock,  (Cruzeiro)

Gols: Nenê 44’/1T; Daniel Amorim 47’/2T; Ramon 48’/2T

VASCO DA GAMA: Vanderlei, Léo Matos, Ricardo Graça, Leandro Castan e Riquelme (Walber); Andrey, Marquinhos Gabriel e Nenê (Bruno Gomes); Léo Jabá, Morato (Gabriel Pec) e German Cano (Daniel Amorim) – Técnico: Fernando Diniz

CRUZEIRO: Fábio, Romulo, Ramon, Eduardo Brock e Matheus Pereira (Dudu); Adriano, Marco Antônio (Flávio) e Giovanni (Rafael Sóbis); Wellington Nem (Felipe Augusto), Thiago e Marcelo Moreno (Claudinho) – Técnico: Juliano Belletti

fonte: https://vasco.com.br/vasco-empata-com-o-cruzeiro-pela-25a-rodada-do-campeonato-brasileiro/

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA