VÁRZEA GRANDE

Educação

Seduc reinaugura quadra esportiva e lança projeto horta pedagógica em Chapada

Com investimentos de R$ 1 milhão, Governo do Estado selecionou 151 escolas para implementar projeto este ano

Publicado em

Educação

Foto: David Borges

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT) inaugurou a nova quadra poliesportiva da Escola Estadual Ana Tereza Albernaz, localizada em Chapada dos Guimarães. Na ocasião, como forma de incentivar a produção da agricultura familiar entre os alunos, também foi lançado o “Projeto Horta Escolar Pedagógica”.

O secretário estadual de Educação, Alan Porto, destacou a otimização dos recursos como resultado do planejamento estratégico da gestão escolar.

“A reforma realizada no decorrer do primeiro semestre reforça o comprometimento de todos na melhoria da educação do Estado. Por meio de uma gestão consciente na aplicação dos recursos, a comunidade escolar passa a contar com uma quadra de esporte nova”, destaca o secretário.

“Estou orgulhoso com mais essa entrega para os nossos estudantes. Tanto o projeto Horta Pedagógica quanto a nova estrutura da quadra de esportes representam nosso compromisso com os investimentos. Nesse momento de ensino híbrido ambos são um atrativo para os alunos se dedicarem às aulas”, observa o diretor Aurelino Caldas.

O “Projeto Horta Escolar Pedagógica” é uma iniciativa que promove vivências com recursos naturais, ao mesmo tempo que capacita os alunos sobre a importância da produção de alimentos para sociedade.

“O Governo do Estado tem buscado desenvolver ações que simbolizem todo potencial econômico de Mato Grosso. É importante lembrar que se formamos alunos conscientes das técnicas de produção para a escola, no futuro, teremos técnicos e engenheiros que seguirão na carreira pela orientação que começou nas nossas escolas. Incentivamos o protagonismo juvenil”, frisa Alan Porto.

Leia Também:  Servidores da Educação têm até o dia 31 para se recadastrarem

Foto: David Borges

David Borges

Quadra Poliesportiva

A reforma da quadra esportiva, na ordem de R$ 39 mil, contou com recursos do Plano de Desenvolvimento da Escola (PDE), quantia que é destinada à manutenção e preservação das unidades escolares da rede estadual. O novo espaço recebeu cobertura, reparos na rede elétrica, iluminação e pinturas novas.

Erick Conceição, de 13 anos, aluno do 7º ano do Ensino Fundamental, acostumado a participar de torneios no bairro onde mora, comenta que, por ser seu primeiro ano na escola, está ansioso para ‘bater bola’ com os colegas de futebol além de estar na expectativa do próximo campeonato em quadra acontecer.

“Sou novo aqui e é pelo futebol que fiz amigos. Já fui campeão em outra escola e agora quero poder fazer o mesmo por essa escola. Já fiz muitos gols jogando no campão e não vejo a hora de poder virar artilheiro aqui na Ana Tereza”, declara Erick.

Foto: David Borges

David Borges

Projeto Horta Pedagógica

Leia Também:  Nova frota do Buscar resulta de projeto do vereador Juca do Guaraná

Com investimento de R$ 6,5 mil, a implantação e manutenção da horta escolar é uma oportunidade de aplicação dos conceitos pedagógicos aprendidos na sala de aula.

Ana Flávia Moreira Nascimento, de 14 anos, estudante do 8º ano, se considera amante das plantas e a primeira experiência com horta escolar foi no sexto ano. A aluna comenta que a participação a motivou a cuidar das plantas junto com a família.

“No cuidado da horta eu compreendi a importância de cada etapa. Se meu grupo é responsável pela limpeza, outro grupo cuida da adubação e é isso que faz a diferença na qualidade do alimento. Não há trabalho menor ou maior, todos colocamos a mão na terra”, enfatiza Ana Flávia.

O projeto é desenvolvido pela Seduc e pela Secretaria de Agricultura Familiar (Seaf) e selecionou 151 escolas este ano. Os investimentos serão na ordem de R$ 1 milhão.

As escolas selecionadas são das modalidades campo, quilombola, indígena e urbanas. Das 151 unidades escolares, 149 receberão o valor de R$ 6,5 mil cada. As duas unidades escolares agrícolas (Jaraguá e Terra Nova), que possuem ensino específico de Agroecologia, receberão R$ 15 mil cada.

Foto: David Borges

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Educação

Escola Nacional do Consumidor oferece inscrições

No total, são oferecidos 20 cursos gratuitos sobre a defesa do consumidor e educação financeira, por exemplo

Publicados

em

Fonte: Agência Brasil/EBC

As inscrições estão abertas para 20 cursos online promovidos pela Secretaria de Nacional do Consumidor (Senacon), em parceria com a Escola Nacional de Defesa do Consumidor (ENDC), até dia 27 de setembro. As capacitações tratam de assuntos como educação financeira, elaboração de projetos, uso da plataforma de reclamações, entre outros. O objetivo é aprofundar o conhecimento de consumidores e servidores do país.

Ao todo, as capacitações possuem carga horária variando de 20 à 60 horas-aula, e podem ser realizadas tanto pelo público em geral quanto por servidores que atuam no Sistema Nacional de Defesa do Consumidor. Após a conclusão, a Universidade de Brasília (UnB) irá emitir certificados digitais e encaminhar para os que forem aprovados nos cursos em que se inscreveram.

Entre os cursos disponibilizados, destaca-se o “É da sua conta” com carga horária de 50 horas, destinado a consumidores e agentes que lidam com o sistema financeiro, com a finalidade de fornecer a base necessária para compreender o funcionamento do Sistema Financeiro Nacional e seus produtos. Há ainda outro curso complementar a esse, dessa vez indicado especificamente para os agentes e que traz uma base mais completa envolvendo o consumidor e finanças, com um prazo de inscrição maior, até 11 de outubro.

Também estão disponíveis capacitações direcionadas ao público em geral sobre finanças domésticas, como por exemplo “A Educação Financeira para Consumidores”, com o objetivo de ensinar ao aluno como compreender seus direitos, se planejar financeiramente e fazer um orçamento doméstico.

Para a realizar as inscrições nos cursos disponíveis na Escola Nacional do Consumidor, o interessado deve ter mais de 16 anos e computador com acesso a internet. Para saber mais, acesse: https://www.defesadoconsumidor.gov.br/escolanacional/cursos/cursos-endc

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Estudantes da rede pública participam de avaliação diagnóstica
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA