VÁRZEA GRANDE

DESTAQUE

Tribunal de contas do estado e AL são alvos do GAECO por esquemas milhonários

Publicado em

DESTAQUE

Da Redação 

Os desvios de dinheiros público no Tribunal de Contas do Estado (TCE) e AL é alvo de operação Convescote, do Gaeco (Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado), deflagrada na manhã desta terça-feira. Neste exato presente, muitos já estão cumprindo 11 mandados de prisão preventiva em Cuiabá, Várzea Grande e Cáceres, todos expedidos pela juíza Selma Arruda, da  Vara Especializada do Crime Organizado da Capital.

Cumpridos 16 mandados de busca e apreensão e 4 mandados de condução coercitiva. Participam da ação agentes do Bope, Batalhão de Polícia Militar de proteção Ambiental e Força Tática de Cuiabá e Várzea Grande. MPE diz que suas investigações apontaram irregularidades em contratos entre a Assembleia e o Tribunal de Contas com a Faespe (Fundação de Apoio ao Ensino Superior Público Estadual) esta última responsável para dar respaldo às CPI´s no Parlamento.

Os acusados de crime de constituição de organização criminosa, lavagem de capitais e corrupção ativa. O Gaeco afirmou que a operação visa “desarticular uma organização criminosa engendrada para saquear os cofres públicos”. Na Assembleia e no tribunal de contas, o contrato com a Faespe, firmado em 2015 e 2016, consumiu cerca de R$ 40 milhões. A suspeita é que parte do dinheiro foi desviada para CONCELHEIROS, deputados e servidores.

Leia Também:  Contas públicas fecham novembro com déficit de R$ 18,1 bilhões

Karinny muzzi, mulher do ex-vereador por Cuiabá Paulinho Brother, foi detida por agentes do Gaeco.

Ela é acusada de participar do esquema de desvio de dinheiro público da Assembleia e do TCE-MT por meio de contratos com a Faespe. Ao cumprir mandado de prisão contra a mulher, os agentes flagraram uma arma sem registro na residência do ex-vereador, que por isso também foi detido.

Além deles, o ex-secretário de Administração de Várzea Grande, Marcos José da Silva, também foi detido na Operação Convescote.

 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

DESTAQUE

Projeto oferece 100 vagas gratuitas para oficinas de balé clássico

As inscrições serão realizadas de forma presencial até 10 de fevereiro, no Shopping Goiabeiras.

Publicados

em

Foto - Alexandre Hudson

O projeto ‘Dança – uma oportunidade de aprendizado’ está com inscrições abertas para 100 vagas gratuitas em oficinas de balé clássico, que serão realizadas em Cuiabá. Podem participar crianças, adolescentes e jovens de famílias que recebem até um salário mínimo. As inscrições serão realizadas de forma presencial até 10 de fevereiro, no Shopping Goiabeiras.

O projeto tem patrocínio do Governo de Mato Grosso por meio da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel). É realizada pela Companhia das Artes e Associados – Cidarta, e inclui a participação na 15ª Mostra de Dança de Mato Grosso, que será realizada este ano em Cuiabá. Além das oficinas, os alunos também recebem o uniforme de balé e figurinos de dança para uso durante o espetáculo de encerramento das atividades.

Para participar, além da renda familiar de até um salário mínimo, os candidatos também precisam comprovar matrícula em escola pública e ter disponibilidade para participar das aulas entre 13 de fevereiro e 13 de maio. As oficinas serão realizadas no período vespertino, e os selecionados não precisam ter conhecimentos de dança.

Leia Também:  Operação "My Love", prende mulher que tentava entrar com droga na cadeia de Comodoro

Depois das inscrições, os candidatos participarão de uma seleção final que será realizada de 11 a 13 de fevereiro. As aulas ocorrerão na sequência e seguem até 13 de maio, quando os alunos irão participar de uma apresentação gratuita ao público, no Shopping Goiabeiras.

####
Inscrições presenciais para oficinas gratuitas de balé clássico
Prazo: até 10 de fevereiro
Local: Companhia das Artes e Associados – Cidarta, localizada no primeiro piso do Shopping Goiabeiras, em Cuiabá

Mais informações: (65) 99943-7748 (whatsapp) e telefone 3322-2426

Foto: Alexandre Hudson

FONTE – SECOM MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA