VÁRZEA GRANDE

DESTAQUE

PROPINA, MILAGRE OU CORRUPÇÃO?

Publicado em

DESTAQUE

Com salário de R$ 70 mil não dá para comprar uma fazenda em 20 anos!

Da Redação

 

Vejas as contas feitas e descubra que a maioria ficou ricos e milionários com uma “ajudinha” do dinheiro ilícito subtraído dos cofres públicos.

ESTAMOS DE OLHO – Enriquecimento ilícito é crime. Você se pergunta como uma pessoa, que sem um centavo nos bolsos, ou até mesmo uma pessoa que ganha um salário acima de R$ 70 mil por mês pode virar milionária da noite para o dia? Seria um milagre? Algumas até sem trabalhar, sem ser ladrão profissional – aquele que usa arma de fogo -, sem ganhar em jogos das loterias da Caixa Econômica Federal (CEF) e sem ter recebido herança de milhões, de repente, sem mais nem menos aparecem milionárias ou até bilionárias.

Só para se começar, existem  políticos, ex-políticos e até mesmo conselheiros do Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso (TCE), que são donos de seis, sete e até oito fazendas e realzão leilões de gado.

Fato que pareceria impossível para quem ganha um bom salário, mas que não daria para comprar tanta coisa em menos de 20 anos.

Você também se pergunta, como uma pessoa que ganha um salário de R$ 70 mil, um bom salário, mas só como exemplo: consegue comprar seis fazendas, mais de 30 mil cabeças de gado, uma casa em outro país, manter uma mansão de alto de luxo em condomínio de luxo  caríssimo, com muitos empregados, viajar constantemente para outros países, principalmente para a Europa, Japão e Estados Unidos com hospedagens em hotéis cinco estrelas, comprar carros importados, lanchas, alugar constantemente helicóptero para trabalhar ou passear e até comprar avião?

E quem ganha um salário acima de R$ 70 mil? Acompanhe: executivos de grandes empresas, principalmente de multinacionais,  jogadores de futebol e outros esportes, senadores, vereadores, deputados estaduais e federais, desembargadores, juízes, promotores, ministros da Alta Corte do País, ministro do Governo Federal, secretários de Estado, e municipais, além de conselheiros de Tribunais de Contas de Estado e da União.

FAÇA AS CONTAS – Para início de conversa, quem ganha R$ 70 mil por mês como salário ou com qualquer outra atividade, é obrigado a deixar 30% para o Leão do Imposto de Renda (IR) e isso já representa R$ 21 mil a menos. Ou seja, dos R$ 70 mil sobram R$ 49 mil.

Com esses R$ 49 mil você pode comprar uma boa casa. Ter um bom carro. Comer bem, vestir bem, viajar pelo menos duas vezes por ano para outras cidades brasileiras e até para fora do País. Manter os filhos em um bom colégio, mesmo isso custando muito caro, uma verdadeira fortuna.

Agora quanto custa tudo isso? Uma boa casa em um condomínio de luxo custa caro, mas você pode pagar. Exemplo: um terreno em um condomínio de luxo não sai por menos de R$ 400 mil, mas que você pode dividir.

Depois de comprar o terreno você também pode dividir o financiamento para a construção de sua casa, que não vai sair por menos de R$ 1.5 mil. Vá somando. Terreno comprado, casa pronto você vai habitar sua casa nova. Lpá vem mais um despesa: mais de R$ 3 mil de condomínio, alguns chegam atpé a R$ 5 mil por mês.

Leia Também:  Denúncias de coloio e esquemas de corrupção marcam gestão Thelma de Oliveira em Chapada

VÁ SOMANDO AI – Dos R$ 400.000,00  que você financiou o terreno, você vai pagar 120 boletos bancários de R$ 3.300,00.  Dos R$ 1.500,000,00 que você também financiou para construir a casa, você vai pagar 120 boletos de R$ 12.500,00.

Somando os dois financiamentos e mais o condomínio de sua casa, você vai desembolsar mensalmente R$ R$ 18.800,00.Ou seja, sua renda de R$ 70 mil, menos o Imposto de Renda e as despesas de sua casa, só sobra R$ R$ 40,200,00. Uma boa grana.

CONTINUE SOMANDO – Ai você compra um carro importado para pagar R$ 3 mil por mês. Seus dois filhos estudam em um colégio e paga R$ 3 mil. O lanche de seus filho, R$ 40 por dia: R$ 20 para cada um, além dos livros, material escolar e uniformes você tem que desembolsa em média R$ 1.200, 800,00 por mês.
Como você mora bem e não pode andar de qualquer jeito, ainda vai gastar, em média com roupas, sábados, joias, gasolina, lanches e comidas em restaurante, pelo menos R$ 6 mil por mês.

Em casa, com salários para pelo menos três  empregados (incluindo os salários e direitos trabalhistas e o vale-transporte), água, luz, telefone, internet, alimentação,  bebidas, sucos e frutas você ainda vai gastar uma faixa de R$ 15 mil.

Ou seja, somando tudo, são menos R$ 28 mil dos R$ 40 mil que sobraram depois que você financiou a casa e o terreno. Do total geral de seu salário de R$ 70 mil ainda vão lhe sobrar R$ 12 mil limpos. Ou seja, sua mordomia, mesmo gastando muito, seus R$ 70 mil lícitos vão lhe render bem, bons momentos, e ainda vai sobrar uma boa grana.

A REALIDADE – Sua sobra de salário é alta, R$ 12 mil, é um bom dinheiro, é uma boa reserva, pois R$ 58 mil de seu salário de R$ 70 mil são intocáveis. É uma despesa que você tem todos os meses. Renda. Podemos afirmar que é uma despesa carimbada.

Agora a realidade, com sua sobra de R$ 12 mil não dá para você comprar uma fazenda, mesmo uma fazenda bem baratinha, avaliada em R$ 5 milhões. Se não dá para comprar uma fazenda, quanto mais para comprar seis fazendas.

Também não dá para você comprar uma fazenda, seis fazendas, um avião e uma casa fora do Brasil, principalmente em países considerados de alto custo, como a Suíça, onde o poder aquisitivo é muito alto, mas também as coisas para comprar, principalmente imóveis são muito altos.

PROVA DO CRIME – Mesmo ganhando um salário de “marajá” de R$ 70 mil por mês, para você comprar apenas uma fazenda, um avião e uma casa fora do Brasil. Bens avaliados em mais de R$ 20 milhões, você e sua família teriam de deixar de comer e de pagar qualquer tipo de dívida por um longo período de 260 meses. Ou 23 anos e quatro meses sem gastar um tostão do seu grande salário.

O que se hoje é simplesmente uma confissão oficial de crime de enriquecimento ilícito. O cara entra na política e em qualquer cargo público sem um centavo no bolso, muitas vezes até sem uma casa para morar, mas em poucos meses de emprego ou mandato o cara já compra uma camionete importada, uma casa em um condomínio de luxo, uma, duas, muitas vezes seis fazendas, um avião, uma casa de praia e uma mansão fora do País.

Leia Também:  Assembleia Cidadã traça plano de ações para o ‘Prati-Cidade’ do Jardim União

O POVO FALA – “Não digo todos,  mas a maioria  dos políticos e das pessoas que trabalham para os governos estadual, municipal e federal e que ganham altos salários ficaram rico do dia para a noite e antes não tinham, um centavo do bolso”, ironiza dona Marta, de 45 anos, residente na Morada da Serra, em Cuiabá e ela detona:

–  “Vocês tem um exemplo bastante conhecido, o tal do Eder de Moraes. Esse sujeito era um simples bancário – nada contra os bancários -, que como todos nós sabemos, ganham um salário de miséria, mas foi só entrar para a Política como apadrinhado do Blairo Maggi, ficou rico, milionário. Ou não é verdade”, conclui dona Marta.

“É fácil conhecer um ladrão. Como é que um cara que ganha R$ 50 mil, que é muito dinheiro, mas não dá para ele comprar avião, mansão e fazenda com esse salário. A não ser que ele deixe de comprar tudo e até de comer por muitos anos. O pior é que esses ladrões  ainda são caras-de-pau”, também ironiza o senhor Paulo, de 53 anos, morador do centro de Cuiabá.

“Conheço muita gente do alto escalão e com altos salários do Governo, da Justiça, do TCE  e políticos com ganham bons salários, mas que mesmo assim, com toda essa grana não teriam às mínimas condições de comprar, sequer uma fazenda de porteira fechada, com mais de cinco mil cabeças de gado dentro. Só que essas pessoas tem, e se for investigada como triplicou suas fortunas em pouco tem, não teriam condições de provar o que tem, como ganharam e automaticamente seriam presas em crime de enriquecimento ilícito”, pondera um funcionária pública do alto escalão do Governo de mato Grosso, de 56 anos, moradora do Bosque da Saúde, em Cuiabá.

E ela desabafa: “Fico pensando. Ganho muito bem. Meu marido ganha muito mais do que eu também como funcionário público federal aposentado e agora advogado. Talvez uma renda mensal de mais de R$ 60 mil, mesmo assim  nós não conseguimos, muitas vezes, sequer sair de Cuiabá em uma viagem de férias mais longa”.

SIMPLES ASSIM – Recentemente a Polícia Civil de Mato Grosso desbaratou uma grande quadrilha de ladrões especialistas em roubos e furtos de bancos simplesmente porque eles (os bandidos) passaram a gastar muito dinheiro com compras de carros de luxo e, principalmente porque a quadrilha começou a esnobar e ostentar riqueza.

Além de comprar carros de luxo, pagos à vista, os bandidos também começaram a gastar o dinheiro fácil que ganharam, com viagens pelos locais mais caros e luxuosos do litoral brasileiro, com hospedagens em hotéis cinco estrelas.

E os bandidos ainda completaram a ostentação alugando até helicóptero numa cidade praiana do Rio de janeiro. E simples assim, apenas monitorando os gastos da quadrilha identificou  todos, prendeu quase todos, pois dois ainda estão foragidos.

 

 

 

Fonte: Pagina do Estado

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

DESTAQUE

Gestão Emanuel Pinheiro obtém aprovação de mais de 90%

O Programa Nacional de Transparência Pública, organizado pela Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon), conta com suporte do Instituto Rui Barbosa (IRB).

Publicados

em

Foto: Luiz Alves

A Prefeitura de Cuiabá,  por meio da gestão Emanuel Pinheiro, consolidou na manhã desta terça-feira (7), mais um importante ato de reconhecimento pelo avanço nas ações governamentais de controle social. A administração recebeu  o ‘Selo Ouro’ do Programa Nacional de Transparência Pública, organizado pela Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (ATRICON), em conjunto com o Tribunal de Contas do Estado (TCE-MT).

Em Mato Grosso, apenas oito dos 141 municípios alcançaram o feito na categoria e a capital obteve uma aprovação superior a 92%, com base nos requisitos exigidos. “Os mecanismos de controle social são ferramentas de extrema eficácia à sociedade. Possibilitam que a população, a quem o administrador deve todo seu respeito e empenho, acompanhar, exigir o trabalho e resultados no desenvolvimento da cidade. A conquista dessa premiação evidencia, mais uma vez, o compromisso da gestão, o comprometimento e o zelo pelo erário público”, declarou o prefeito Emanuel Pinheiro.

Representando o prefeito da capital, ao receber a premiação, a Controladora-Geral do Município, Mariana Ribeiro, destacou que a meta da administração Emanuel Pinheiro é conquistar o ‘Selo Diamante’, com a validação de 100% dos critérios estabelecidos.

Leia Também:  Ricardo Teixeira recebeu propina do Catar, indica Fifa

“Trata-se de um reconhecimento importantíssimo, uma prioridade repassada pelo prefeito Emanuel Pinheiro de fortalecimento do controle social. Estamos muito honrados e felizes em recebê-lo, resultado de um trabalho árduo e contínuo, que nos direciona, com total certeza de que estamos trilhando o caminho certo. Para o ano que vem, vamos chegar, se Deus quiser, a nota máxima”, declarou.

Participaram da solenidade, o presidente da Corte, o conselheiro José Carlos Novelli e os conselheiros Guilherme Maluf e Sérgio Ricardo.

O Selo Ouro 

O Programa Nacional de Transparência Pública, organizado pela Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon), conta com suporte do Instituto Rui Barbosa (IRB). Após a análise dos técnicos dos Tribunais de Contas, cada portal é classificado conforme o percentual de critérios atendidos.

Responsabilidade 

A Prefeitura de Cuiabá, por meio da Controladoria Geral Municipal (CGM), em novembro de 2022, também conquistou a medalha de ouro no Programa Nacional de Transparência Pública 2022, na categoria Qualidade em Transparência. O Município alcançou o índice de 92,19%, na avaliação, com êxito de 100% em seis, dos 12 grupos de critérios analisados, por meio de fiscalizações no Portal Transparência regional.

Leia Também:  Gerente que recebia propina para fazer vendas ilícitas é preso em 2ª fase de operação em MT, diz polícia

Por NATHANY GOMES – FONTE: SECOM CUIABÁ

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA