VÁRZEA GRANDE

DESTAQUE

Jornalista é ameaçado em Cuiabá-MT por divulgar crimes de Tabelião e Delegado

Publicado em

DESTAQUE

Da Redação

 

O Jornalista Claudio Natal que denunciou falsificações e demais contravenções que triam sido praticadas pelo Tabelião Felix Jeronimo do Cartório de Santo Antonio do Leverger vem sendo seriamente ameaçado.

O Jornalista fez Boletim de Ocorrência hoje pela manha no GCCO(Grupo de combate ao crime organizado) narrando que em meados de janeiro de 2017 divulgou os fatos a respeito das falsificações e demais contravenções onde o Tabelião teria aberto um cartório móvel que atuava até fora do estado o que é proibido gerando faturamento de milhões de reais as escusas da Corregedoria do Tribunal de Justiça de Mato Grosso.

No Boletim consta ainda que o Tabelião estaria envolvido com o Delegado Fernando Fleury da Mota e que ambos tentaram armar vários flagrantes forjados para prender o jornalista e calar a boca da imprensa.

Com as denuncias veiculadas na imprensa feitas pelo Jornalista, foi aberto sindicância contra o Cartorário e ainda foram instauradas três Sindicâncias contra o Delegado de Policia(Fernando) na Corregedoria da PJC, onde o delegado escondeu folhas do inquérito, alterou numero das paginas para por e tirar documentos a seu bel prazer além de criar situações intimados pessoas e forçando elas que fosse depor sem acesso ao IP, negando inclusive vista a uma advogada que acompanhava a parte que reclamou que o Delegado era tendencioso em suas perguntas.

Consta ainda no Boletim de Ocorrência n.º. 2017.212233, feito no GCCO 26/06/2017, que Claudio Natal vem sendo constantemente perseguido e que as emaças inciaram no dia 12 de março de 2017 onde a pessoas que o ameaçou usava orelhão justamente da Cidade de Sto. Antonio do Leverger-MT, tendo as ligações partidos dos numeros 3341-1120, 3341-1693, e que em uma das ameças o suspeito dizia sobre ele(jornalistas) e o tal Advogado. O tal Advogado seria Pérsio que foi preso por um flagrante que também teria sido forjado pelo Tabelião e o Delegado para parar o advogado e a imprensa.

Leia Também:  Em ação da PM, seis foragidos são apreendidos no estado de MT

A consumação e a conclusão de que as ameças partiram por parte do Tabelião e do Delegado é aliado ao fato de que foi logo após o Jornalista denunciar os crimes de ambos(Delegado e Tabelião), quando então no dia das ameaças o Jornalista ligou de imediato a um Policia da inteligencia da PM que estava em casa e após acionado o mesmo(PM) dirigiu-se correndo aos principais orelhões da cidade de Leverger. Ao constar os orelhões que originaram as ligações ameaçadoras o suspeitos que ameaçava o Jornalista ja havia se evadido do Local. Passados alguns minutos nova ameça veio ao Jornalista todavia de outro numero, quando foi avisado o Policial a segunda ligação teria partido de um orelhão da rua Principal de Sto. Antonio do Leverger, perto da Delegacia de Policia onde fica o Delegado. Ja no segundo orelhão o individuo que ameaçou o jornalista novamente ja teria se evadido do local. Após esse policial da PM ter corrido para ver se descobria quem era o que ameaçava o Jornalista, o policial parou seu carro perto do orelhão. Passados alguns dias esse PM foi intimado pelo Delegado Fernando(Denunciado) para prestar informações no malsinado e armado inquérito contra o Jornalista, sendo que o PM, não era parte, não fazia relação nenhuma com qualquer fato do IP, não tendo nada pra esclarecer, sendo apenas intimado porque o delgado viu ou ficou sabendo através de quem realizava as ameças que esse policial estava atrás dos orelhões buscando quem estava fazendo as ligações de ameaças  contra o Jornalista. Outro fato que liga o Tabelião e o delegado é que o Celular do Jornalista tem gravador ligado automaticamente a cada ligação feita e quando foi ameaçado a ligação foi gravada e o ameaçador(individuo) dizia sobre ele e o Advogado, justamente Pérsio que foi preso pelo Delegado em flagrante preparado.

Leia Também:  PM e PJC prendem quadrilha por furto em banco no interior do Estado

O Jornalista está residindo em local não sabido nem por sua família e diante do ocorrido o GCCO elaborou boletim de ocorrência sem colocar o endereço de Claudio Natal para que o mesmo possa permanecer em segurança e parar que os ameaçadores não descubram seu endereço.

Entenda o caso com as matérias divulgadas anteriormente, um dos audios das ameças, a ligações dos orelhões de Sto. Antonio e a foto dos orelhões onde partiram as ameaças com o carro do PM que foi posteriormente intimado Pelo Delegado Fernando Fleury para depor em inquérito sobre Felix o Jornalista Claudio Natal.

Abaixo: BOLETIM DE OCORRÊNCIA NO GCCO(SEM ENDEREÇO DO JORNALISTA PARA SUA PROTEÇÃO)

Fonte: Pagina do Estado

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

DESTAQUE

Projeto oferece 100 vagas gratuitas para oficinas de balé clássico

As inscrições serão realizadas de forma presencial até 10 de fevereiro, no Shopping Goiabeiras.

Publicados

em

Foto - Alexandre Hudson

O projeto ‘Dança – uma oportunidade de aprendizado’ está com inscrições abertas para 100 vagas gratuitas em oficinas de balé clássico, que serão realizadas em Cuiabá. Podem participar crianças, adolescentes e jovens de famílias que recebem até um salário mínimo. As inscrições serão realizadas de forma presencial até 10 de fevereiro, no Shopping Goiabeiras.

O projeto tem patrocínio do Governo de Mato Grosso por meio da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel). É realizada pela Companhia das Artes e Associados – Cidarta, e inclui a participação na 15ª Mostra de Dança de Mato Grosso, que será realizada este ano em Cuiabá. Além das oficinas, os alunos também recebem o uniforme de balé e figurinos de dança para uso durante o espetáculo de encerramento das atividades.

Para participar, além da renda familiar de até um salário mínimo, os candidatos também precisam comprovar matrícula em escola pública e ter disponibilidade para participar das aulas entre 13 de fevereiro e 13 de maio. As oficinas serão realizadas no período vespertino, e os selecionados não precisam ter conhecimentos de dança.

Leia Também:  Classificado na Libertadores, Verdão inicia preparação para enfrentar o Cuiabá pelo Brasileiro

Depois das inscrições, os candidatos participarão de uma seleção final que será realizada de 11 a 13 de fevereiro. As aulas ocorrerão na sequência e seguem até 13 de maio, quando os alunos irão participar de uma apresentação gratuita ao público, no Shopping Goiabeiras.

####
Inscrições presenciais para oficinas gratuitas de balé clássico
Prazo: até 10 de fevereiro
Local: Companhia das Artes e Associados – Cidarta, localizada no primeiro piso do Shopping Goiabeiras, em Cuiabá

Mais informações: (65) 99943-7748 (whatsapp) e telefone 3322-2426

Foto: Alexandre Hudson

FONTE – SECOM MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA