VÁRZEA GRANDE

EMPAER-MT

Agricultor familiar produz maracujá irrigado sob orientação técnica

Previsão do produtor é comercializar 3,6 toneladas de maracujá nesta safra

Publicado em

DESTAQUE

Foto: Arquivo Prefeitura de Nova Ubiratã - MT

O agricultor familiar João Batista da Silva investiu no cultivo irrigado do maracujá numa área de dois mil metros quadrados, no Assentamento Rural Cedro Rosa, município de Nova Ubiratã (502 km ao Norte de Cuiabá). O produtor recebeu o apoio da Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer) e da Prefeitura de Nova Ubiratã, na implantação do cultivo com investimento, orientações e acompanhamento.

Ele espera colher 3,6 toneladas do fruto nesta safra e comercializar mais de 300 kg do produto para o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), que são destinados às escolas da região e aos mercados locais.

A engenheira agrônoma da Secretaria Municipal de Agricultura, Bruna Larissa dos Santos, disse que tudo foi decidido de forma conjunta com o produtor: tipo de manejo que seria adotado, espaçamento, produção e plantio das mudas, polinização, colheita e comercialização.

Foto: Arquivo Prefeitura de Nova Ubiratã – MT

Apesar do maracujá ser pouco cultivado na região, a fruta tem ótimo potencial e se desenvolve muito bem nas condições de clima e solo. Ela acredita que pode ser mais uma alternativa de cultivo para o pequeno produtor.

Leia Também:  Seduc-MT amplia aulas de robótica na Rede Estadual de Ensino

O extensionista da Empaer Fábio Carrocini explica que o maracujá da espécie Gigante amarelo tem boa aceitação e o cultivo tem se mostrado promissor como uma nova fonte de renda para os agricultores que estão comercializando a fruta in natura nos mercados regionais, locais e agroindústrias de polpa.

João Batista trabalha no campo com a esposa Eleniy Mattos Santa Anna e os dois são os responsáveis pela polinização, que é feita diariamente de forma manual. Essa atividade é realizada pelos agricultores para transferência dos grãos de pólen de uma flor para outra no horário em que as flores estão abertas, entre 10h e 14h. A intenção do agricultor é aumentar a área de cultivo de maracujá para cinco mil metros quadrados.

Ele é beneficiário de um projeto que conta com a parceria do Banco do Brasil, Prefeitura Municipal, Empaer e Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT) com o objetivo de fomentar a assistência técnica para 40 famílias do município e a formação de 40 estudantes do curso de técnico em agropecuário do IFMT.  “Esse é um projeto que visa gerar produtividade para a pequena propriedade rural e a inclusão socioprodutiva, proporcionando a organização das cadeias produtivas da agricultura familiar, bem como, a geração de emprego e renda para os pequenos produtores rurais e suas famílias”, ressalta Fábio.

Leia Também:  Fluminense 0 x 1 Corinthians: Timão bate o Flu no Maracanã e segue firme na liderança

Foto: EMPAER – MT 

Agricultores realizam a polinização manual e diariamente

O secretário de Agricultura de Nova Ubiratã, Jefferson Moreira, orienta que os pequenos produtores que estejam interessados em iniciar alguma cultura ou que estejam precisando de auxílio em sua atividade produtiva, que procurem os técnicos da Secretaria de Agricultura e da Empaer. “Estamos à disposição de todos e teremos o prazer em orientá-los para que tenham uma ótima produção”, conclui.

Fonte: Secom-MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

DESTAQUE

Coordenadora da Defesa Civil de Várzea Grande é condecorada

A honraria da Defesa Civil Estadual é destinada a agraciar integrantes do Sistema de Proteção e Defesa Civil do Estado de Mato Grosso que prestam notáveis serviços à instituição

Publicados

em

Foto: SECOM VG

A Defesa Civil de Várzea Grande, por meio de sua coordenadora Cristiane Lima Prado, foi agraciada com a Medalha do Mérito “Engenheiro Domingos Iglesias Valério”, pelos relevantes serviços prestados ao sistema estadual de proteção e defesa civil. A honraria foi entregue na última terça-feira (24), pelo secretário-adjunto de Proteção e Defesa Civil do Estado, coronel bombeiro militar César Viana de Brum, e foi publicada como Decreto nº 1.550, de 29 de novembro de 2022, assinado pelo governador Mauro Mendes.

“Fiquei muito honrada e estou muito satisfeita e orgulhosa por poder representar o Município de Várzea Grande. Eu estou na Defesa Civil desde 2019 e a gente vem em parceria com a Defesa Civil do Estado e sempre em contato com os municípios próximos para poder fazer o nosso trabalho”, afirma Cristiane Prado.

A medalha de honra ao mérito da Defesa Civil Estadual é destinada a agraciar os integrantes do Sistema de Proteção e Defesa Civil do Estado de Mato Grosso que prestam notáveis serviços à instituição. Em Várzea Grande, a Defesa Civil é regulamentada pela Lei Municipal nº 4.098/2015, que determina que compete a ela, dentre outras atribuições, “adotar medidas de planejamento e execução das operações, especialmente nas situações que impliquem desastres, estados de emergência e calamidade pública, com a possibilidade de ocorrência de sinistros que importem em danos a bens pessoais, estabelecendo parcerias e convênios com outros entes estaduais e federais visando a prevenção e controle de desastres”.

Leia Também:  Justiça mantém propaganda que mostra que Márcia é alvo da Operação Capistrum e não pode entrar na Prefeitura de Cuiabá

“Nós fazemos o trabalho preventivo, mas, a nossa maior demanda são as questões dos sinistros que ocorrem, normalmente, quando tem muita chuva, vendaval, intempéries da natureza, em que estamos sempre disponíveis 24 horas por dia para fazer o atendimento”, explica a coordenadora.

O secretário municipal de Defesa Social, Alessandro Ferreira, parabenizou Cristiane Prado e demais servidores da Defesa Civil municipal pela distinção. “É importante porque reconhece o trabalho que vem sendo desenvolvido por parte da Defesa Civil municipal, que é muito conclamada pela população por conta das características do município, que tem muitas áreas de preservação permanente, muitas áreas de risco. E a nossa Defesa Civil é linkada com as Defesas Civis do Estado e Nacional”, afirma.

Fonte: SECOM VG

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA