Conselheiro suspende Medida Cautelar que impedia Sinfra fazer contratação emergencial

Da Redação

O relator das Contas de Gestão da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra), conselheiro interino do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Luiz Henrique Lima, revogou uma medida Cautelar suspendia a contratação emergencial de exploração do transporte público intermunicipal do Estado.

O edital 01/2019 – Sinfra – MT foi barrado no último dia 24 de junho pelo conselheiro, Guilherme Maluf. Após a suspensão da Medida Provisória o Governo do Estado e a Sinfra-MT poderão dar prosseguimento ao certame. (Foto:  Rafael Manzutti/Sinfra-MT)